Fundação de Cultura leva obras com belezas e inspirações do Estado para Feira Nacional em SP

Campo Grande (MS) – Obras que representam as belezas e inspirações sul-mato-grossenses estarão presentes no 11º Salão do Artesanato – Raízes Brasileiras, que será realizado de 7 a 11 de novembro no Pavilhão Azul do Expo Center Norte, em São Paulo.

O transporte das peças produzidas por artesãos do Estado é de responsabilidade da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, que definiu os contemplados por meio de um edital realizado pela Gerência de Desenvolvimento de Atividades Artesanais.

O edital selecionou obras de 12 artistas do Estado (artesãos individuais ou MEI) e de três entidades representativas do artesanato (pessoa jurídica de direito privado sem fins lucrativos): Uneart, Artems, e Proarte.

Os selecionados deverão arcar com as próprias despesas de passagens, traslados, hospedagem e alimentação durante todo o evento. Confira os selecionados: Vera Ruth Gomes, Andréa  Pereira Lacet de Lima, Rosenir Batista, Monique Klein Rocha, Luana Aquino Ferraz, Indiana Antunes Marques de Araújo, Cláudia Cristina Benites Veiga Castelão, Cleber Ferreira de Brito, Ana Vitorino da Silva Leodério, Athaide Charão Fernandes, Luiz Mauro dos Santos e Odirmo Coimbra.

Encontro Nacional – Com 10 edições realizadas em Brasília, o Salão do Artesanato terá sua 11ª edição realizada em São Paulo com o apoio do Programa do Artesanato Brasileiro, que levará para o evento 26 estados e o melhor da produção artesanal de cada um deles. Artesãos com produção individual, cooperados, associações e outros órgãos de fomento também ocuparão os 14 mil m2 do Pavilhão Azul com mostra e venda de produtos artesanais de várias tipologias, confeccionados com técnicas variadas e diferentes matérias prima.

Peças artesanais de decoração, vestuário, joias, bijuterias, acessórios, brinquedos, instrumentos musicais e utilitários com riqueza de detalhes, qualidade de acabamento e identidade cultural. Será um evento que mostrará toda a diversidade cultural do Brasil, em cores, sons e sabores. Saiba mais no site: www.salaodoartesanato.com.br.

Valorização – A Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, por meio da Gerência de Artesanato, desenvolve políticas públicas que proporcionam a geração de emprego e renda e a inclusão social. Busca ainda a organização de núcleos de artesanato nos municípios, a inclusão do artesanato sul-mato-grossense no mercado competitivo, a melhoria da qualidade de vida dos artesãos e a divulgação da cultura regional.

O Estado já foi representado em mais de 20 Feiras Nacionais de Artesanato nos últimos anos: Finnar (Brasília), Arte Santo (Vitória / ES), Mãos de Minas (MG), Salão Internacional de Artesanato (Brasília), Fenearte (Olinda / PE), Brasil Original (São Paulo / SP), Feira de Tiradentes (MG), Craft Design (São Paulo / SP), Brasil Central Week – Edições Brasília e Mato Grosso do Sul. Participaram 20 núcleos de produção artesanal e mais de 2 mil artesãos de todas as regiões do Estado.