MIS recebe doação de equipamentos raros, acervo de colecionador falecido

Categoria: Museus | Publicado: terça-feira, maio 3, 2022 as 15:41 | Voltar

Campo Grande (MS) – O Museu da Imagem e do Som, unidade da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul, recebeu nesta terça-feira, 3 de maio de 2022, a doação de um precioso material que vai enriquecer bastante o acervo do museu. Foram doados um telefone de parede de dar corda, um gramofone com um boneco que dança quando toca o aparelho, uma vitrola LP de armário, 12 discos 78 rotações, seis discos de rolo, fonógrafo (o maior construído para disco de rolos – graphophone).

As peças foram doadas pela esposa do senhor Dorivan Garcia Mendes, falecido há três anos. O arquiteto era colecionador e tinha o desejo de construir um museu com o seu acervo. Tudo começou como um hobby e foi virando uma paixão, Dorivan era amigo de um senhor que vendia antiguidades na Feira do Masp. Lá comprou sua primeira peça da coleção, e mais tarde passou a adquirir as antiguidades por meio de leilões.

Quando passou no concurso para Auditor Fiscal foi transferido para Corumbá e, posteriormente veio para Campo Grande. Ele tinha uma oficina de restauração das peças em sua casa. A família decidiu doar algumas peças para o MIS por não ter condições de realizar o sonho do colecionador, que era montar um museu.

“Estamos imensamente encantadas com as doações, são objetos raríssimos em excelente estado de conservação, vamos fazer a documentação de registro e deixar no nosso espaço de exposição permanente para que os visitantes possam apreciar. Como já observamos um dos Gramophones está funcionando, vamos trabalhar para colocá-lo em funcionamento”, diz a coordenadora do MIS, Marinete Pinheiro.

Ao longo dos seus mais de 20 anos o MIS tem se consolidado como um centro de preservação e catalogação da memória sul-mato-grossense. Em seu acervo estão mais de 300 discos de artistas do Estado, uma coleção de filmes, fotografias e objetos raros. Todo este material está à disposição da comunidade para pesquisa e consultas. “Aproveitamos o ensejo para dizer à comunidade que caso tenha algum objeto raro relacionado à imagem e som e queira doar, que entrem em contato com o MIS”, finaliza Marinete.

O Museu da Imagem e do Som fica no terceiro andar do Memorial da Cultura e Cidadania Apolônio de Carvalho, na Avenida Fernando Corrêa da Costa, 559, Centro. Telefone: (67) 3316-9178.

Publicado por: Karina Medeiros de Lima

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.