Nota de Pesar

Categoria: Geral | Publicado: sexta-feira, agosto 21, 2020 as 11:53 | Voltar

A Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul lamenta a morte do servidor Edson da Silva, mais conhecido como “Profeta” ocorrida na quinta-feira (20/08)  em Curitiba-PR, decorrente  de complicações de um transplante de fígado. Profeta era natural de Cassilândia.

Ator, militante na cultura, foi um dos fundadores da Associação Campo-Grandense de Teatro (ACGT). Também participou da criação do Fórum Estadual de Cultura e do  Fundo Municipal de Investimento Cultural(FMIC) Antes de se aposentar, atuou no MIS (Museu da Imagem e do Som) como técnico de cinema e vídeo. Profeta era casado com Rita de Fátima e pai de duas filhas.

Diante desta irrecuperável perda nos solidarizamos com os amigos e familiares.

Publicado por: amessias@fcms

Utilizamos cookies para permitir uma melhor experiência em nosso website e para nos ajudar a compreender quais informações são mais úteis e relevantes para você. Por isso é importante que você concorde com a política de uso de cookies deste site.