Semana da Francofonia celebra expressões culturais com sessões gratuitas de cinema

Campo Grande (MS) – Celebrando mais uma vez o mês da Francofonia, o Museu da Imagem e do Som da Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul e a Aliança Francesa promovem um novo ciclo de exibições de filmes que apresentam as expressões da cultura e da língua gaulesa. As sessões acontecem de 25 a 28 de março, sempre às 19 horas e entrada franca.

Os filmes exibidos – no primeiro dia no auditório da Aliança Francesa e nos demais no Museu da Imagem e do Som – destacam a importância histórica do francês na ciência, nas artes e também as expressões culturais dos países francófonos, 27 ao todo e distribuídos entre Américas, Europa e África.

As sessões fazem parte da Semana da Francofonia e do Ciclo Itinerante de Mulheres e Identidades Francófonas, organizados pela Aliança Francesa de Campo Grande.

Confira as atrações:

25 de março (segunda) – Auditório da Aliança Francesa de Campo Grande – 19 horas

Ouvrir la Voix (Abra a Voz) – Documentário sobre mulheres negras da história colonial europeia na África e nas Antilhas. O filme enfoca a experiência da diferença como mulher negra e clichês específicos relacionados a essas duas dimensões indissociáveis da identidade ”mulher” e ”negra”. Direção: Amandine Gay. (112 minutos, França, 2017, classificação livre).

Divulgação – ouvrir-la-voix

26 de março (terça) – MIS – 19 horas

Séraphine – A história da pintora primitiva Séraphine de Senlis Louis, que trabalhou como empregada na casa de burgueses em Senlis, France. Durante décadas nutriu uma paixão secreta pela pintura, a que se dedicava à noite após o trabalho. Ela foi descoberta por acaso, pelo famoso colecionador de arte alemão Wilhelm Uhde. Surpreso com o enorme talento de Séraphine, Uhde decide revelá-lo ao mundo e mudar sua vida. Direção Martin Provost. (Drama, 125 minutos, Belgica/França, 2008, classificação 12 anos).

Cena de Séraphine – Divulgação

27 de março (quarta) – MIS – 19 horas

Bécassine! – Jovem que vive em uma fazenda no interior do Reino Unido, mesmo assumindo certas responsabilidades de adulta ainda preserva sua ingenuidade infantil. Seu maior sonho é viver em Paris, mas justo quando a situação parecia muito provável ela começa a trabalhar como enfermeira de Loulette, um pequeno bebê adotado. Paralelamente a isso, o caos começa a tomar conta de sua vida financeira e Becassine precisa provar mais uma vez que é mais esperta do que todos ao seu redor imaginam. Direção Bruno Podalydès. (Comédia, 102 minutos, França, 2018, classificação livre). Confira aqui o trailer.

Cena de Bécassine! – Divulgação

28 de março (quinta) – MIS – 19 horas

AYA – Aya e suas duas amigas, Adjoua e Bintou, vivem no bairro popular de Yopougon, em Abidjan, na Costa do Marfim. O grupo de moças tem 19 anos, idade caracterizada pela liberdade. Enquanto Adjoua e Bintou preferem aproveitar essa virtude saindo à noite e procurando um marido, Aya tem outra ambição: ser médica. Direção Marguerite Abouet, Clement Oubrerie. (Animação, 84 minutos, Costa do Marfim, 2012, classificação livre).

Aya – Divulgação

Serviço: A entrada é franca. Outras informações podem ser obtidas no Museu da Imagem e do Som, que fica no Memorial da Cultura, na avenida Fernando Correa da Costa, 559, 3º andar, Centro ou pelo telefone (67) 3316-9178.